O ESTA PARA ENTRAR NOS EUA

 

ESTA é a sigla para Electronic System of Traveling Authorization, que permite uma entrada facilitada nos EUA sem um visto tradicional. O processo é fácil e relativamente barato. Por 14 USD (10 USD de custo da autorização + 4 USD de custo do processo) e em menos de 3 dias (geralmente) têm a vossa autorização. A nossa demorou minutos e foi feita em dezembro de 2016.  Há 38 países que desde 12 de janeiro de 2009 apenas precisam de um ESTA para entrar nos EUA. Estes 38 países fazem parte do VWP (visa waiver program), que permite a entrada no país para turismo ou negócios e uma estadia até 90 dias.

A lista dos 38 países é: Alemanha, Andorra, Austrália, Austria, Bélgica, Brunei, Chile, Coreia do Sul, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Islândia, Irlanda, Itália, Japão, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Mónaco, Nova Zelândia, Noruega, Portugal, Reino Unido (Escócia, Gales, Inglaterra e Irlanda do Norte), República Checa, São Marino, Singapura, Suécia, Suiça e Taiwan. A página deixa claro que a lista dos países pode mudar a qualquer momento. Tal como um visto, o ESTA não garante a entrada, esta pode ser rejeitada no momento da chegada.

O ESTA tem a vantagem de permitir múltiplas entradas enquanto estiver válido, mas deve ser renovado sempre que se muda de passaporte, de sexo, de nome, de nacionalidade, ou quando alguma das respostas que demos muda, e tem a validade de 2 anos. Também permite fazer inscrições individuais ou em grupo, por exemplo de toda a família, criando um “gestor” ou “consultor” do pedido. A maioria das perguntas passa pela identificação do próprio, dos pais e do empregador, e tem de se inserir uma foto do passaporte. Recebe-se o aviso para pagamento (paga-se com cartão de crédito ou paypal),  que tem de ser pago nos 7 dias seguintes. Nós recebemos a confirmação da autorização aceite em poucos minutos. Deverão guardar uma cópia deste documento, mas não é preciso viajar com ela.

Pede-se aqui  e pode ser consultado ou alterado na mesma página. Caso o ESTA venha recusado pode-se pedir um visto.

Para trabalhar deve-se pedir um visto de trabalho na embaixada.

pexels-photo-362564

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s