365diasnomundo.com

APPS DE VIAGEM

Dizer que em viagem um smartphone é indispensável pode parecer exagero, mas a verdade que se consegue fazer quase tudo com um telefone, eletricidade e internet. Desde reservar quartos a controlar o saldo da nossa conta bancária, tudo pode ser feito através dum telefone.

Nós já não vivemos sem smartphone, quer dizer, se for mesmo necessário conseguimos deixar os telemóveis de lado, mas, mesmo em viagem, dão muito jeito. Não somos chatos ao ponto de acharmos essencial um detox, temos a coisa controlada, apesar de a Raquel ser um pouco mais viciada. Temos aplicações (vamos chamar-lhes Apps) que usamos muito e queremos partilhar convosco. São as nossas apps essenciais em viagem.

  • Facebook e instagram – as mais óbvias, para partilhar os posts e fazer diretos; usamos principalmente como ferramenta de divulgação do blog porque já não temos tempo para mais;
  • Booking, Airbnb e Hostelworld – para encontrar alojamentos; a preferência vai depender do destino e do mood; por exemplo, se estivermos dispostos a partilhar quarto, mas queremos qualidade do hostel, já sabemos que o Hostelworld vai ajudar; pelo contrário, se queremos quartos privados, booking ou airbnb são normalmente os recomendados;
  • Skyscanner  – para planear e encontrar os vôos mais económicos;
  • Uber, Cabify, Lift, DriveNow e Emov – para os transportes; em algumas cidades descarregamos Apps locais com os mapas dos transportes públicos, mas temos sempre estas à mão;
  • Google Maps – para marcar os locais de interesse e descarregar os mapas para utilizarmos offline, em áreas onde o roaming de dados é pago;
  • WhatsApp e Messenger – para falarmos com as pessoas, seja amigos, família, ou mesmo malta de tours e de alojamentos;
  • Revolut e as Apps dos nossos bancos (Santander, Millennium BCP e CGD) – o revolut é o nosso cartão de viagem, quase sem taxas; os nossos bancos nacionais utilizamos para controlar o saldo e despesas que temos, mesmo quando estamos fora;
  • Registo Viajante – já falámos nela aqui; achamos essencial que seja possível se saber onde estamos quando viajamos;
  • Youtube – seguimos vários vlogs regularmente;
  • Netflix – para conseguirmos seguir as nossas séries preferidas;
  • Fitbit – a Raquel tem um e serve para controlar os kms que andamos e vão depois para as estatísticas;
  • The Fork – não funciona em muitos países (Portugal, França, e pouco mais), mas permite-nos conhecer sítios giros com desconto.

Claro que os nossos telemóveis têm muito mais tralha instalada, mas estas são as Apps que utilizamos mais diretamente relacionadas com o facto de estarmos em viagem.

pexels-photo-226664 (1)

Este artigo pode conter links afiliados

Partilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Indice

Mais artigos

Blog

BAGAGEM DE PORÃO OU SÓ DE MÃO?

Houve tempos que o bilhete de avião incluía vários serviços, como a bagagem. Desde que deixou de acontecer, para poupar na mala de porão, perde-se tempo a tratar da bagagem de mão.

Ler Mais »
Blog

BEBIDAS DE INVERNO

O inverno puxa a lareiras, mantas, filmes e bebidas quentes. Vinho e cidra quentes, chocolate quente e chá são algumas receitas que deixamos.

Ler Mais »
Blog

DOCES DE NATAL: RECEITAS

Está a chegar aquela época das cores, luzes, magia e doces, está a chegar o NATAL. O natal, apesar de ser uma festa religiosa com

Ler Mais »