365diasnomundo.com

FÉRIAS DE NEVE: SIERRA NEVADA (ESPANHA)

Para quem gosta de esquiar a solução é sempre sair de Portugal. Opções europeias há muitas, uma das mais perto é a Sierra Nevada. Fomos testar.

Vem o natal, o ano novo, o carnaval e pronto, começa a época das férias de neve. Nos últimos anos o Tiago só foi esquiar com o tio da Raquel, mas em 2022 fizemos a clássica viagem em grupo de amigos. Apesar de termos a intenção de introduzir a Maria cedo na neve, este ano, mãe e filha foi só para acompanhar o pai para a Sierra Nevada. Não foi fácil gerir a rotina e a falta de liberdade da Maria. No fundo, passámos a nossa rotina para um hotel enquanto o pai ia esquiar, o que não recomendamos. É cansativo para todos. Nem o pai desfruta totalmente porque tem horários a cumprir, nem mãe e bebé estão num ambiente propício para a rotina. Além disso, tudo é caro numa estância e nao faz grande sentido andar por lá sem esquiar. Porque fomos todos? Porque funcionamos em matilha! 🙂

Onde ir:

As férias de neve para portugueses geralmente ficam-se pela Serra Nevada e Andorra, mas há inúmeras possibilidades: Suíça, Áustria, França, até a Islândia, Argentina, Turquia, basicamente qualquer sítio com neve e pistas.

Até à Sierra Nevada são 7 horas de viagem a partir de Lisboa (+ paragens) e fica perto de Granada, que queríamos conhecer. No nosso hotel encontrámos vários nórdicos que vivem na Península Ibérica e também escolhem este destino para esquiar.

Nós fomos de carro, mas existe a possibilidade de ir de avião até Sevilha.

Reservar as férias de neve:

O mais económico costuma ser comprar um pacote forfait + hotel. O Forfait é o passe de acesso às pistas e pode ser diário ou de vários dias consecutivos, com desconto. Os forfait diários para esquiadores custam cerca de 56€ (adulto), 36€ (infantil) e 45€ (sénior 60-69 anos). O nosso grupo fez a reserva das férias de neve no esquiades. A antecedência, como habitual, garante melhores preços.

pistas: férias de neve

Fomos em regime com pequeno almoço, mas devíamos ter escolhido meia pensão. À chegada o hotel pediu 35€ por pessoa pelo jantar e recusámos, claro. O pequeno-almoço do Hotel Kenia Nevada é excelente. Sumo de laranja natural, fruta, panquecas, tudo de ótima qualidade, e também existem as tostadas con tomate e churros con chocolate. O aspeto é de casa de montanha um pouco kitschy. Foi-nos dado um quarto de esquina com terraço e vista panorâmica sobre as pistas.

vista varanda

Não é um hotel luxuoso mas cumpre o propósito. Tem também piscina interior e ginásio. Parte negativa, o SPA só abria às 16h e como o espaço é pequeno só podiam ficar na piscina duas famílias e no máximo 7 pessoas. A permanência é de meia hora.

Recomendamos:

Hotel com meia pensão, se são de jantar comida a sério ou se têm crianças. Escolher um hotel perto dos ovos. Hotel com bom pequeno-almoço. Pensar em como farão para guardar o material. O nosso hotel tinha cacifos.

Caso alguém não faça ski/snowboard considerem reservar o hotel separado do forfait, no nosso caso ficou mais económico.

Reservar parque de estacionamento. Deixar o carro na rua é caro, em lugares grátis achamos arriscado e, além disso, se nevar é preciso depois escavar a neve para tirar o carro. Nós estacionámos no parque coberto da Plaza de Pradollano (podem reservar toda a estadia no site da estância).

Não se esqueçam do cartão europeu de doença, nós ainda fizemos seguro. O Tiago tinha seguro da IATI aventura e nós família. Já sabem, reservando por nós têm 5% de desconto.

Para quem não vai esquiar:

Só podem subir a Borreguilles com passe, incluindo bebés. TODA A GENTE PAGA, até eles. Adultos 19,5€, 6-16 anos 12,5€ e dos 0-5 anos 8€. Problema: comprar o bilhete. Benjamim (0-5) não se vende nas caixas físicas, só on-line. Precisam de ter conta, criar uma conta para benjamim (menos de 5 anos) a partir da vossa, inserir cópia do CC (na opção passaporte), foto e esperar a aprovação da conta. Sem isso é impossível comprar bilhete. Depois de todo o problema para comprar o bilhete (acabámos a comprar um de júnior), na segunda tentativa de subida da Raquel ninguém controlou, no fundo atirámos dinheiro fora…

Devem subir nos ovos que levam até 8 pessoas. A partir daí o esquiador segue a sua vida e o não esquiador fica por ali. Com uma bebé que mama foi fácil perceber que estar ao ar livre não ia ser confortável para a mãe. Num dia em Borreguilles a Maria dormiu duas sestas ao colo e mamou pelo menos três vezes. Estão a imaginar a logística? Ficou logo decidido que as meninas da família ficavam no hotel e encontravam-se com o papá para almoçar. A família reunia-se junto aos ovos para decidir onde almoçar. 

Em Borreguilles, se estiver um dia de sol, está-se muito bem. Veem os esquiadores, há restaurantes, mesas na esplanada e cobertas e casas de banho com muda fraldas. Recomendamos que guardem uma mesa assim que possível. Os pratos andam entre 10 e 19€, cerveja e sopa 3€, água 2€ e café 2,2€.

Mãe e bebé em Borreguilles

Onde comer:

El Refugio – secretos com batata e legumes

La bodeguita (restaurante do Hotel Melia) – massa com legumes e hambúrguer 

Badia – melhor bolonhesa de toda a estadia, tinha legumes, que é o que se pede com bebés. A esplanada é boa e tem vista para a montanha.

Tito Luigi – restaurante simpático, staff afável, não ficámos apaixonados pelas massas e estávamos um bocado apertados na sala. Pertence ao grupo do Ti Maria, um local óptimo para o aprés ski.

La gondollas – melhor relação qualidade-preço. Parece famoso pelos seus churros, mas nós gostámos da lasanha, da sopa de legumes e dos bocadillos.

El bistro – comemos aqui bem. Podem comer a carne na pedra ou fondue.

Sabor Andaluz – fica no meio da confusão e é bom para grupos que queiram beber umas cervejas.

Se forem um grupo grande ou tiverem intenção de comer tarde recomendamos que reservem, tudo enche. Sem bebés recomendamos que almocem sandes. É em conta. E depois jantem tapas. Se tiverem grande lata e notarem que há abertura da parte do hotel, façam as sandes ao pequeno-almoço e levem fruta.

Alugar o material

O Tiago tratou de tudo pela net, na Mulhacen, tendo custado cerca de 80€ para três dias (skis, botas e batons), mas podem deixar para o dia em que chegam, não faltam opções. Nesta loja o equipamento é recente. Vejam um sitio que vos guarda o material ao final do dia. Talvez pagando um pouco mais, poderão alugar em Borreguilles e só terão de calçar as botas de ski junto às pistas. Quem faz ferias de neve varias vezes por ano poderá ter o seu próprio equipamento, ou ainda é possível alugar em Portugal, numa loja como a Decathlon, mas não nos pareceu que a trabalheira acrescentada valesse a pena.

Férias de neve

Pistas

Uma boa estância para iniciantes, com muitas pistas azuis. Caso sejam esquiadores/snowboarders de nível mais avançado com preferência por vermelhas e pretas, ou se tiverem a partir de três dias, diríamos que o tamanho da estância é curto. Encontrámos a zona mais alta fechada por ter pouca neve, situação que nos pareceu habitual. As grandes vantagens da estância são a probabilidade de encontrar dias com sol, por comparação com o resto das estâncias da Europa, e a proximidade a Portugal.

Este artigo pode conter links afiliados.

365 dias no mundo estiveram na Sierra Nevada de 1 a 5 de março de 2022.

Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Indice

Mais artigos

Europa

MERCADOS DE NATAL

Voces são de mercados de natal ou nem por isso? Aqui nem por isso, sim, achamos as fotografias que vemos lindas, mas é uma romaria exagerada.

Ler Mais »